Por que algumas vacinas machucam mais do que outras?

ANÚNCIO
Por que algumas vacinas machucam mais do que outras?
Foto: (reprodução/internet)

Esteja você planejando uma viagem ao exterior, tenha se cutucado com um espinho sujo ou queira se preparar para a temporada de gripe, sentar-se para tomar uma vacina geralmente não é grande coisa. Excluindo qualquer medo ou apreensão sobre as agulhas, é uma rápida compressa com álcool, uma injeção no deltoide e um pedaço de algodão.

Algumas pessoas, entretanto, relatam que algumas injeções de vacina parecem mais com um arpão, com dor após a injeção e irritação residual. O nível de desconforto tem algo a ver com a vacina que está sendo administrada, o paciente ou o profissional de saúde?

ANÚNCIO

De acordo com Nancy Messonnier, diretora do Centro Nacional de Imunização e Doenças Respiratórias dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças, a dor causada pela injeção é uma consequência normal de uma injeção destinada a provocar uma resposta do sistema imunológico.

A Dra. Messonnier disse ao The Wall Street Journal que a inflamação ao redor do local da injeção é uma indicação de que a vacina está funcionando.

Quando uma vacina é injetada, os antígenos são introduzidos no corpo. Essas proteínas permitem que os glóbulos brancos lutem contra os vírus. Quando eles são cravados em seu braço, seu corpo monta uma defesa no local da injeção, levando à inflamação.

ANÚNCIO

Veja também: 2 grandes pedaços de lixo espacial podem colidir esta noite

Algumas vacinas tendem a doer um pouco mais do que outras, como as que têm como alvo a hepatite A e B e a DTP (para difteria, tétano e coqueluche). Não está totalmente claro o porquê, mas é possível que os aditivos destinados a fortalecer o sistema imunológico, como sais de alumínio ou monofosforil lipídio A, sejam os culpados.

“Esses são ingredientes seguros adicionados à vacina especificamente para criar uma resposta imunológica mais forte”, disse Messonnier ao jornal, acrescentando que algumas pessoas podem ser mais sensíveis a eles do que outras.

Esses aditivos não são a única razão pela qual as vacinas podem arder. O nível de pH da solução (que pode ser ácido), o volume e a temperatura também podem afetar se há desconforto.

Se você ou seu filho têm aversão a agulhas, você pode tentar técnicas de distração como música, solicitar um creme anestésico ou tomar um analgésico de venda livre para combater qualquer dor pós-injeção.

A propósito, a injeção provavelmente não doerá mais ou menos se for aplicado em suas nádegas, como era a prática antigamente. Embora algumas vacinas funcionem bem no tecido adiposo, como a MMR (sarampo, caxumba e rubéola, que é direcionada para a gordura próxima ao tríceps), muitas não.

Traduzido e adaptado por equipe Conhecimento Agora

Fonte: Mental Floss

ANÚNCIO