Bonsai – Aprenda 5 dicas para iniciantes

Bonsai não é uma árvore e sim uma técnica, sabia disso? Na tradução mais simples, que vem do japonês, bonsai significa plantado em uma bandeja. Logo, dá para entender a explicação: várias espécies de árvores e plantas podem ser criadas em bandejas.

A ideia surgiu na China e foi adaptada por japoneses mais tarde. Hoje, é uma mistura de técnicas de horticultura com a estética. Assim, cultivar um bonsai é uma arte para os dias atuais e o objetivo pode variar desde a representação minimalista da natureza.

ANÚNCIO
Bonsai – Aprenda 5 dicas para iniciantes
Foto: (reprodução/internet)

Entendendo o bonsai

Cultivar o bonsai é uma ótima ideia para decorar a casa, o escritório e qualquer lugar. No entanto, isso requer cuidados e técnicas. Para quem tem paciência, esse já é o primeiro passo porque o restante é mais simples do que parece.

Bonsai – Aprenda 5 dicas para iniciantes
Foto: (reprodução/internet)

A partir de dicas simples, considere como plantar bonsai e cuidar dele de maneira simples. Abaixo, temos uma espécie de passo a passo, que vem em 5 dicas, e foram dadas por quem entende do assunto, como floristas experientes.

1 – A escolha do vaso

A primeira coisa que se deve fazer é escolher o vaso. E existem muitos tipos de vasos que podem ser bacanas para um bonsai. No entanto, quando se trata de árvores novas, considere que elas devem ser colocadas em ambientes maiores para que as raízes tenham espaços para crescer.

Bonsai – Aprenda 5 dicas para iniciantes
Foto: (reprodução/internet)

Enquanto isso, se o bonsai for mais maduro. Então, vale a pena usar vasos menores, já que elas passam pela poda de forma periódica, o que é comum de acontecer. Ainda falando do vaso, considere a drenagem, sabe? É que geralmente os vasos de bonsai são baixos e isso exige cuidado.

As floristas não indicam os vasos vitrificados e que não tenham esmalte brilhante, exceto se a pessoa estiver pensando em árvores com flores e frutos. Já quanto ao tamanho, o vaso deve ser 2/3 da altura da árvore com medidas de até 2 vezes a espessura do tronco.

A preparação do solo do vaso

Dessa forma, o sistema de plantio é simples. Basta usar um pedaço de bidim ou sombrite para tampar os buracos do vaso. Logo, dá para usar um arame de cobre para passar pelos buracos e pela tela traçando no sistema radicular da planta. 

Bonsai – Aprenda 5 dicas para iniciantes
Foto: (reprodução/internet)

A preparação do solo onde o bonsai será plantado também é um ponto de atenção. Afinal, para que se tenha os melhores resultados produtivos e de crescimento, quem entende do assunto diz que é preciso ter uma composição de 85% de xisto de 8 mm e 15% de terra de algarrobo.

Nesse ponto, muitas vezes será preciso fazer a troca do vaso do bonsai por outros maiores. Afinal, alguns tipos preferem essa mudança de vaso no verão ou na primavera, quando ganham volume em crescimento. 

2 – A escolha da planta

Mais uma dica é sobre o bonsai que será usado para ser plantado nesse vaso. Para quem é iniciante no assunto, uma boa ideia é começar com uma muda da planta. Quem opta pelas sementes pode sofrer no processo, que demora mais e é complicado também. 

Bonsai – Aprenda 5 dicas para iniciantes
Foto: (reprodução/internet)

Atualmente, as plantas mais usadas para bonsais são os pinheiros, além dos juniperos e ciprestes. Dá para escolher qualquer uma dessas opções que a pessoa achar mais interessante, além de outras floríferas, frutíferas ou de folhagens. 

Uma boa dica é escolher plantas com lignina, que é um tecido grosso no caule. Logo, plantas mais velhas com musgos e caules grosso, além de galhos tortos, também combinam bem com esse tipo de atividade porque facilita na poda.

3 – Os cuidados antes e depois de plantar

Para quem está prestes a plantar o bonsai, considere que vale a pena esfarelar o torrão para deixar as raízes nuas. Então, lave-as com cuidado e realize a poda das raízes. Na sequência amarre o arame no sistema radicular da planta e coloque o restante no substrato do solo.

Bonsai – Aprenda 5 dicas para iniciantes
Foto: (reprodução/internet)

Lembrando que como toda planta, que é usada no bonsai, exige luz, água e proteção dos ventos para sobreviver por longa data. Assim, também vale a pena evitar o sol nos horários mais quentes, como das 10 horas até as 14 horas do dia. 

Para regar, considere fazer isso 1 vez a cada 2 dias, sendo algo comum entre as plantas. Se a pessoa notar o solo seco é importante regar imediatamente. A água precisa escorrer pelo vaso para que a drenagem esteja funcionando corretamente. 

A amarração do bonsai

O processo de amarração também tem a sua importância no bonsai porque o arame conduz o galho no estilo que ele vai ter. No entanto, também pode sufocar esse galho e causar problemas. Além do arame, também se usa plásticos ou borrachas.

Bonsai – Aprenda 5 dicas para iniciantes
Foto: (reprodução/internet)

Por exigir esse cuidado, saiba que vale apena escolher o melhor lugar para o bonsai ficar. Ainda que ele não tenha uma necessidade especifica, a luz solar é melhor do que sombras. Outro ponto é pensar na temperatura, que deve ser constante. 

Em resumo, a amarração é uma técnica crucial para criar árvores em bonsai. A aramação deve ser feita durante o ano todo para a maioria das espécies, mas somente durante a estação de crescimento, como vimos acima. O arame corta a casca e cria cicatrizes importantes. 

4 – Os estilos do bonsai

Atualmente, existem várias formas de definir o bonsai. Por exemplo, o chokkan é aquela forma vertical mais conhecida. Mas, tem o sokan também, que é um tronco duplo na mesma base. Já kengai é em formato de cascata e tem mais um monte de alternativas. 

Bonsai – Aprenda 5 dicas para iniciantes
Foto: (reprodução/internet)

Independente disso, saiba que para todos os cultivos é preciso considerar 3 tipos de podas possíveis. São elas: a de manutenção para manter o formato do bonsai, a de estilização para dar estilo a ele, além da poda de raiz para um transplantio no vaso.

Para fazer a poda de um bonsai corretamente basta retirar as folhas e os galhos mais finos que estão crescendo. A poda raiz é diferente porque traz risco à planta. Assim, quanto mais praticar, maiores as chances de acertar nisso. 

Os tipos de bonsai mais comuns no Brasil

Aqui no Brasil, alguns tipos de bonsai caíram no gosto das pessoas rapidamente. Um deles é o bonsai de pinheiro negro, que é uma espécie que precisa de muito cuidado no cultivo. Ela gosta de muita luz e tem folhas agudas.

Bonsai – Aprenda 5 dicas para iniciantes
Foto: (reprodução/internet)

Outro exemplo é o bonsai de jabuticabeira, que é uma das melhores opções para quem gosta de frutas. A árvore frutífera é sensível ao frio e tem crescimento mais lento em regiões de temperaturas mais baixas, o que exige atenção.

E a última ideia que temos aqui é o bonsai de Serissa. Logo, é uma árvore que não gosta de temperaturas baixas e tem um formato de arbusto, o que chama a atenção. Ela pode morrer facialmente se o solo secar. Apesar de linda, portanto, exige cuidados.

5 – O cuidado com pragas e doenças

A gente não pode terminar o artigo sem falar das pragas e das doenças que podem acontecer no bonsai. De fato, quando bem cuidadas, essas plantas não possuem tanto risco de infecção. Porém, pode acontecer em algum desvio de cuidado.

Bonsai – Aprenda 5 dicas para iniciantes
Foto: (reprodução/internet)

Se a árvore está infectada é preciso dar um jeito de reverter isso, seja com o uso de adubos químicos apropriados ou outras maneiras, a partir dos fungicidas. De todo modo, a ajuda profissional faz todo sentido nessa hora para indicar o melhor tratamento. 

Os fungos em bonsais podem causar manchas necróticas, ferrugens nas folhas, podridão nas raízes, amarelamento, a murcha da planta, a seca dos ramos e até mesmo a morte da planta. Por isso, o tratamento precisa ser rápido e certeiro para evitar esse fim trágico do bonsai. 

Quanto tempo dura um bonsai

O tempo de duração de um bonsai depende muito dos cuidados que existem com eles. Na China e no Japão há relatos de bonsais que são milenares, isto é, tem mais de 1 mil anos de idade. No entanto, como é de se imaginar, isso tudo exige técnicas e conhecimento. 

Bonsai – Aprenda 5 dicas para iniciantes
Foto: (reprodução/internet)

Para quem gosta de curiosidades, saiba que tem uma árvore de bonsai de 1 mil anos em Mansei-ein, no Japão. Foi testado e provado que tem essa idade. Ela é de um pinheiro velho e ainda tem um material bruto, que pertence à família de Kato.

Aliás, quem tem um bonsai em casa ou no trabalho e começou a notar folhas murchas ou amareladas? Saiba que é sinal de que há problemas de saúde na árvore. Então, nesse caso, dê um passo para trás e certifique-se se ela não está doente. 

A história do bonsai de Hiroshima

Essa é a última reflexão do texto e entra como curiosidade também. Afinal, existe um pinheiro branco japonês que é conhecido por ter sobrevivido a bomba de Hiroshima, na Segunda Guerra Mundial. Ela é uma árvore grande, que foi treinada como bonsai.

Assim, viveu por quase 400 anos, sendo que foi resultado de 6 gerações de uma mesma família, a Yamaki. Quando a bomba caiu perto dela em 1945, o mundo se surpreendeu pelo fato de ter sido uma das únicas vidas sobreviventes ali. Ela foi doada ao Museu Nacional de Bonsai & Penjing, em Washington (Estados Unidos). 

ANÚNCIO