Cinco curiosidades sobre Portugal

ANÚNCIO

No próximo domingo, Portugal realizará eleições legislativas, e foram convocados emigrantes para votação

Portugal, o famoso país europeu que há muito tempo colonizou o Brasil, é um lugar muito bonito, com muita cultura e repleto de curiosidades. Neste artigo, é possível conhecer cinco curiosidades sobre Portugal em relação a diversos assuntos, como emigração e investimentos.

Portugal
Foto: (reprodução/internet)

Investimentos chineses

Desde 2011, Portugal se encontra de braços abertos para o capital chinês, o que foi causado pela falta de candidatos para investir nesse país — que foi um dos mais afetados pela crise da dívida na zona do euro. A intenção de Portugal com isso era finalmente recuperar a sua economia.

ANÚNCIO

Hoje, a China tem uma grande participação nos investimentos do país português. Os grupos chineses estão, por exemplo, no principal banco privado, BCP, na principal companhia de seguros, Fidelidade, e no Grupo Energias de Portugal (EDP), administrador da rede elétrica da REN. Esses grupos são os principais acionistas dessas companhias.

Para se ter uma ideia, na atualidade os investimentos de empresas ou de cidadãos chineses em Portugal equivalem a quase 5% do PIB, o que é estimado em 10 bilhões de euros, uma quantia realmente significativa.

Paraíso dos aposentados

Portugal recebeu o apelido de “Flórida da Europa” pelo fato de, nos últimos anos, ter atraído uma grande quantidade de aposentados europeus. Pelo fato de estar em uma crise financeira e querer atrair capital estrangeiro para impulsionar o mercado imobiliário, Portugal concedeu um benefício aos aposentados em 2009.

ANÚNCIO

Na época, era possível que aposentados europeus fora de Portugal morassem no país e ganhassem dez anos de isenção do imposto de renda. Nisso, cerca de 10.000 aposentados estrangeiros estabeleceram sua residência fiscal no país.

Terra da emigração

Este é um país que tem cerca de 10,2 milhões de habitantes, e cerca de 2,2 milhões que moram em algum outro país. Dessa quantidade, mais ou menos 1,5 milhões de portugueses moram em algum outro país da Europa.

Na França, há o maior número de portugueses, sem contar o próprio Portugal, em um grande número de 600 mil pessoas. Em Luxemburgo, por outro lado, cerca de 16% da população do Grão-Ducado é representada por portugueses.

Neste próximo domingo, serão feitas eleições legislativas para Portugal, e uma média de 1,4 milhão de portugueses que moram fora do país de origem foram convocados para votar.

Líder da cortiça

Portugal é um país que possui uma grande quantidade de florestas, seu conjunto sendo considerado um dos mais importantes de todo o mundo. Seus 737.000 hectares o tornam o rei indiscutível da cortiça. De acordo com a Associação Portuguesa da Cortiça, o país é principal produtor mundial — produz 100.000 toneladas por ano.

Cargos de primeiro nível

O país é membro fundados da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) e da União Europeia (UE), e, desde muito tempo, os portugueses colocam personalidades em cargos de primeiro nível nessas organizações.

Desde 2017, o ex primeiro-ministro António Guterres é o atual secretário-geral da ONU. No mesmo ano, o atual ministro das Finanças, Mario Centeno, virou presidente do Eurogrupo, e desde 2018 o ex-comissário europeu, Antonio Vitorino, chefia a Organização Internacional para as Migrações.

Por fim, é importante dizer que o ex-primeiro-ministro José Manuel Durão Barroso dirigiu, de 2004 a 2014, a Comissão Europeia.

ANÚNCIO