Empréstimo coletivo, uma modalidade que promete alavancar negócios; saiba mais

ANÚNCIO

O peer-to-peer, até então seguimento um pouco novo no Brasil, vem ganhando mais notoriedade por conta de seus benefícios

 A mais nova funcionalidade de empréstimo coletivo, o P2P, pode ser uma excelente alternativa para quem não quer pagar os juros altos que vêm com o crédito convencional. Além disso, a Ulend, uma plataforma que oferece esse serviço, é conhecida por ter boas condições de pagamento e segurança.

ANÚNCIO
emprestimo
Foto: (reprodução/internet)

 O que é a Ulend?

A Ulend, que nasceu em São Paulo, é uma empresa de empréstimos e investimentos que une investidores a empresas. O mais atraente no serviço da Ulend é os diferenciais em seu sistema em relação a outras opções do mercado.

O grupo trabalha junto com uma instituição financeira para oferecer a melhor opção para os investidores e empresas quando se fala em empréstimos. Entretanto, não são apenas esses grupos de pessoas que podem fazer isso; pessoas físicas também podem fazer empréstimos e receber retorno financeiro a partir disso.

Portanto, emprestar e receber empréstimo com a Ulend é uma via de mão dupla, onde ambas das partes se beneficiam de forma funcional. Para solicitar um empréstimo, o empreendedor em questão precisa passar por uma avaliação, que pode ou não ser aprovada.

ANÚNCIO

Se tudo der certo, o usuário é cadastrado na plataforma e pode começar a escolher dentre uma das empresas disponíveis para investir e qual será o valor do investimento. Como benefício da plataforma, não há a mediação de um banco, o que torna o procedimento muito mais rápido e a proposta, muito mais atraente para empresas e investidores.

Quem deseja investir pela Ulend não precisa se preocupar em pagar taxas, faz o procedimento totalmente on-line, recebe retornos de 16% a 50% a. a., pode investir, no total, até R$ 2 mil, e o investidor aplica e recebe as parcelas mensalmente, para a sua comodidade.

Para a empresa que quer um empréstimo coletivo, funciona de maneira diferente, pois há certas condições que são oferecidas. Por exemplo, os contratos acordados podem ser com ou sem garantia, os empréstimos devem ser a partir de R$ 20 mil reais e o prazo de pagamento vai de 6 a 30 meses. Além disso, há outras informações de suma importância, como a taxa de juros, que é até 50% menor do que as das concorrentes (na Ulend, os juros vão de 1,3% a 3,44% ao mês). O procedimento todo é feito a fim de não haver surpresas no valor, e tudo é rápido e 100% on-line.

 O empréstimo coletivo da Ulend

Nesse modelo de empréstimo coletivo, tudo é feito digitalmente e também não há a intermediação de um banco, facilitando todo o processo. Esse tipo de procedimento é benéfico para todas as partes, pois as empresas pagam menor taxa de juros e os investidores recebem maior rendimento. O spread bancário, que é o procedimento de trâmite entre empresa, banco e investidor, não existe no empréstimo coletivo, o que diminui as taxas.

 O peer-to-peer (P2P) ainda é novo no Brasil, mas vem ganhando mais espaço com o passar do tempo. No resto do mundo, entretanto, ele existe há mais de uma década, e os resultados são bons, como é possível ver neste texto, para todos os participantes.

ANÚNCIO