Como se inscrever no Programa Jovem Aprendiz dos Correios

Hoje em dia, uma boa parte dos brasileiros pensam em trabalhar nos Correios. Os salários mais altos do que os pagos no mercado e a estabilidade desse emprego são alguns dos motivos para isso. Agora, você sabia que dá para conseguir o primeiro emprego pelos Correios?

ANÚNCIO

Isso porque a empresa trabalha com o programa jovem aprendiz, que estimula os estudantes a conseguirem esse tipo de experiência profissional em uma grande empresa. Continue lendo para saber quais são os requisitos e as vantagens do programa jovem aprendiz dos Correios.

Como se inscrever no Programa Jovem Aprendiz dos Correios
Foto: (reprodução/internet)

Desse modo, você vai encontrar nos próximos tópicos os seguintes temas:

  • O que são os Correios;
  • O que o jovem aprendiz faz nos Correios;
  • Como cadastrar o currículo para trabalhar nos Correios;
  • Quem pode se tornar um jovem aprendiz dos Correios.

O que são os Correios

Os Correios nada mais é do que a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. Isto, uma empresa que está embasada na Lei 10.097/2000 e inclui no seu quadro vários programas de incentivo ao trabalho e ao estudo, como é o programa Jovem Aprendiz. 

ANÚNCIO
Como se inscrever no Programa Jovem Aprendiz dos Correios
Foto: (reprodução/internet)

Para se ter uma ideia dos dados, saiba que em 2020 mais de 10% das vagas abertas pelos Correios foram preenchidas por pessoas com deficiência e outros 20% foram para pardos e negros. Assim, o programa Jovem Aprendiz representa 5% do total das vagas. 

Para quem não conhece, o programa jovem aprendiz também está embasado na Lei, chamada de Lei da Aprendizagem. É um tipo de incentivo para jovens que estão estudando e querem entrar no mercado de trabalho, aprendendo várias funções.

O programa Jovem Aprendiz dos Correios

Agora falando mais especificamente sobre esse programa, considere que a regra é: que o jovem continue estudando ao mesmo tempo que comece a ganhar experiência no mercado. Por isso, em 4 horas por dia ele vai trabalhar ou fazer cursos especiais para o mercado. 

ANÚNCIO

A lei diz que cada jovem deve trabalhar por, no máximo, 20 horas semanais e que isso não pode atrapalhar as aulas dele. Assim, se começar a faltar das aulas ou tirar notas ruins, ele pode perder o programa. O contrato é uma vantagem porque ele tem benefícios.

Assim, o jovem é contratado com carteira assinada e mantém direitos trabalhistas como o 13º salário, além das férias remuneradas junto com as férias da escola e tem também os vales (transporte e refeição). Geralmente, a média salarial fica de acordo com a média do país.

O que o jovem aprendiz faz nos Correios

Agora, outra dúvida que você pode ter é: se tantas empresas possuem vagas de trabalho para o programa jovem aprendiz por que escolher os Correios? Além de ser uma empresa muito tradicional no país, de grande importância, também oferece várias funções.

Como se inscrever no Programa Jovem Aprendiz dos Correios
Foto: (reprodução/internet)

Isso quer dizer que o jovem aprendiz vai poder ter um contato direto com várias funções. Por exemplo, ele pode trabalhar com o transporte de documentos nas áreas internas. Além disso, pode ser responsável pela organização de arquivos, reposição de material e planilhas.

Outras funções do jovem aprendiz nos Correios é: realização de atendimento eletrônico, organização de filas e fornecimento de informações ao cliente. Lembrando que o contrato do jovem aprendiz pode ser de até 24 meses. Veja mais abaixo.

Qual é o salário de um jovem aprendiz nos Correios

Recentemente, os Correios afirmaram que tem um gasto médio de R$ 45,5 mil pagos aos jovens aprendizes. Mas, o que isso significa na prática? Quem um contrato para atuar como jovem aprendiz vai receber entre R$ 515 e R$ 1.023, conforme o estado e as funções. 

A média na maioria das vezes pode ficar em torno de R$ 515, ainda mais para funções básicas e para o primeiro ano de contrato. De todo modo, lembre-se de acrescentar a isso os outros benefícios, como vales, uniformes e férias. 

Quem pode se tornar um jovem aprendiz dos Correios

De um modo geral, considere que os requisitos para ser um jovem aprendiz dos Correios é o mesmo para outras empresas, já que elas seguem as regras do programa. Por exemplo, a idade é de 14 a 24 anos. Além disso, tem que estar estudando. 

Como se inscrever no Programa Jovem Aprendiz dos Correios
Foto: (reprodução/internet)

Sobre a escolaridade, considere que é preciso estar ao menos no 6º ano do ensino fundamental. Mas, quem já concluiu o ensino médio também pode tentar as vagas abertas. O importante é que nunca tenha sido contratado como menor ou jovem aprendiz antes.

Outro requisito é sobre o cumprimento da carga horária de 4 horas por dia, o que dá 20 horas na semana. Essas horas serão distribuídas entre os cursos profissionalizados oferecidos pelo sistema 5S e o trabalho em uma das unidades dos Correios.

O processo de seleção do jovem aprendiz dos Correios

Apesar de já termos falado de quase tudo aqui (requisitos, os Correios, benefícios) ainda não falamos sobre o processo de seleção. Vamos lá? Considere que o processo costuma ser simplificado quando é destinado a empresas terceirizadas. 

Assim sendo, nada mais é do que enviar o currículo online. Aí as empresas vão avaliar os requisitos, inclusive, aqueles sobre a renda familiar e a escolaridade. Assim, jovens que participam de projetos sociais podem ter pontos a mais na disputa entre os concorrentes.

Essa avaliação a empresa também envolve documentos comprobatórios, como RG, carteira de trabalho, passaporte, etc. Sobre a escolaridade, a avaliação inicial passa pelo envio de declaração de matrícula ou certificado de conclusão de curso.

Como cadastrar o currículo para trabalhar nos Correios

Atualmente, o procedimento para fazer a inscrição no Programa Jovem Aprendiz dos Correios é muito parecido com a forma de fazer isso em outras grandes empresas: pelo site. Logo, o ideal é que se use o site oficial dos Correios para essa inscrição online. 

Como se inscrever no Programa Jovem Aprendiz dos Correios
Foto: (reprodução/internet)

No entanto, também vale dizer aqui que outras empresas podem ser contratadas para terceirizar esse processo de seleção de jovens aprendizes. Um bom exemplo é o CIEE – Centro de Integração Empresa-Escola. Essas são empresas que também aceitam os currículos. 

O mais interessante, no entanto, é notar que ambas as formas podem ser interessantes. Mas, quando os Correios apostam em empresas terceirizadas para dar andamento no processo de seleção, então, esse caminho indireto acaba sendo melhor, como se cadastrar no CIEE.

O que é o cadastro de currículos no programa jovem aprendiz

Esse cadastro de currículo no programa jovem aprendiz, que pode ser no site dos Correios ou no site do CIEE, é nada mais do que o interesse do jovem estudante em trabalhar nos Correios. Por isso, você terá que enviar o seu currículo.

E não se preocupe se não tiver muita experiência listada nele. Afinal, a ideia do programa é justamente dar a chance do primeiro emprego e do primeiro contato no mercado de trabalho. Logo, o que eles avaliam tem a ver com outros pontos, além da experiência.

Por exemplo, as suas notas na escola, o seu rendimento, a sua regularidade no estudo, além de questões financeiras. Isso porque o programa jovem aprendiz não discrimina ninguém, inclusive, quem tem uma renda familiar baixar, como quem recebe benefícios sociais. 

Os próximos passos da seleção de talentos

Então, após o envio online do currículo, considere que o interessado deve ficar de olho na caixa de entrada do e-mail. Isso porque é assim (ou por telefone) que as empresas podem entrar em contato para dar informações sobre as próximas etapas.

Como se inscrever no Programa Jovem Aprendiz dos Correios
Foto: (reprodução/internet)

Quem passar na primeira etapa, que é a da avaliação dos dados, vai para a próxima, que pode ser uma entrevista individual ou em grupo, dependendo o número de candidatos aprovados. É por isso que criar um currículo completo vale a pena nessa hora. 

Ainda antes da contratação, vale a pena lembrar que os candidatos devem passar pelas etapas pré-admissionais, o que nada mais é do que realizar exames médicos. Por fim, ainda vem a avaliação do contrato de aprendizagem feito pelos Correios. 

E depois do contrato de aprendizagem

O contrato de aprendizagem, com geral, dura 24 meses. Na verdade, a duração inicial é de 12 meses, sendo que o prazo pode dobrar em caso de interesse dos Correios. Por isso, há um período para iniciar e terminar esse tipo de emprego. Após isso, você poderá ter algumas ideias. 

A primeira é prestar o concurso dos Correios e se tornar um funcionário público. Outras ideias passam por procurar empregos em outras empresas, afinal, a experiência que você adquiriu nos Correios conta muito. 

Apesar de o programa de jovem aprendiz ser incrível para conseguir o primeiro emprego nos Correios, saiba que o contrato não vai durar mais do que 2 anos. Assim sendo, não dá para criar um plano de carreiras lá sequencial do programa jovem aprendiz. Mas, dá para pensar no concurso público. 

Nota de responsabilidade

Antes de se candidatar a vagas de empregos, cursos ou certificações profissionais, consulte a página oficial da empresa ou instituição de ensino para atestar a veracidade das informações. Acima estão os dados dos Correios e do CIEE, que possuem tais dados.

O Facebook não se responsabiliza por quaisquer complicações ou contratempos que possam acontecer antes, durante ou depois dos respectivos processos seletivos apresentados. Inclusive, durante o envio de e-mails que contem com os currículos online. 

ANÚNCIO