Chip Internacional: saiba o que é e se vale a pena ter

Viajar para outro país ainda é um sonho para muitos brasileiros. Para quem já foi uma ou mais vezes, essa realidade tem outro viés. O que não muda é que em todo caso, quem vai pela primeira vez ou várias vezes para outro país quer ter internet no celular, não é mesmo?

Afinal, pode ser para postar no Instagram aquela foto maravilhosa que fez ou até mesmo para encontrar lugares mais perto através da conexão com a internet. Por isso, em boa parte das vezes, o chip internacional acaba sendo uma ótima opção de escolha. Conheça tudo sobre ele!

ANÚNCIO
Chip Internacional: saiba o que é e se vale a pena ter
Fonte: (Reprodução/Internet)

Para saber como funciona e para que serve o chip internacional, leia:

  • O que é um chip internacional;
  • Onde comprar um chip internacional no Brasil;
  • Qual é a vantagem de ter um chip internacional;
  • Quando o chip internacional começa a funcionar.

O que é um chip internacional

Um chip internacional é um chip de telefone criado para ser usado no exterior durante uma viagem internacional. Logo, ele pode ser comprado no país de origem e chega ao destino já conectado. Isso facilita na hora de ficar procurando um lugar para comprar chips de celular.

Chip Internacional: saiba o que é e se vale a pena ter
Foto: (reprodução/internet)

O custo de um chip internacional varia muito e vai depender da velocidade de internet que a pessoa tem interesse. Além disso, ele pode ter serviços como de ligações ilimitadas. Assim, o mais comum é que os preços variem de R$ 59,90 até R$ 400.

Existem várias opções de chips internacionais para serem usados em vários países. Por exemplo, para quem vai para a Europa e quer levar um chip daqui do Brasil, saiba que o America Chip é uma das ideias. Além dele, tem o Viaje Conectado e o Easysim4u.

Como funciona o chip internacional

O chip internacional usado no exterior funciona do mesmo modo que um chip comum funciona no Brasil. Assim, ele usará o sinal 3G, 4G ou 5G quando não houver outras conexões com a internet móvel ou de redes. Além disso, permite as ligações para vários países.

Além de saber das marcas ou empresas que vendem esse chip para usar em outros países, também vale a pena se atentar para o fato de que o seu celular pode aceitar esse tipo de chip ou não. Tudo vai depender do modelo dele e dá para descobrir isso até pelo número do IMEI.

Onde comprar um chip internacional no Brasil

Hoje em dia, existem várias empresas que fazem a comercialização do chip internacional no nosso país. Assim, entregam em casa ou até mesmo no aeroporto no dia da viagem. Acredita? Então, é uma facilidade e uma comodidade bastante real.

Chip Internacional: saiba o que é e se vale a pena ter
Foto: (reprodução/internet)

O legal é que fazer a compra por essas empresas permite que a pessoa tenha o chip antes mesmo da viagem e assim a internet poderá ser usada assim que a pessoa pousar no destino. Logo, uma oportunidade para curtir a viagem com a internet no celular o tempo todo.

Para quem não entendeu ainda, os chips internacionais podem ser comprados diretamente no site dessas empresas que fazem a venda deles. Os valores atuais partem de 31 dólares, mas podem ser bem mais do que isso dependendo dos serviços disponibilizados neles.

Qual o melhor chip internacional

Entre as empresas que comercializam o chip internacional, que são várias, o que as pessoas devem considerar é o uso pessoal. Ou seja, o mínimo que se espera é que se tenha uma boa cobertura de sinal para o destino turístico final.

Além disso, o preço acessível faz parte, assim como a internet de alta velocidade. Outra boa dica é pensar em empresas que oferecem suporte em português e que permite uma fácil instalação e configuração do chip no celular. 

Qual é a vantagem de ter um chip internacional 

Agora é aquela parte do texto que todo mundo pergunta: vale a pena ter um chip internacional? A verdade é que atualmente ninguém quer viajar sem internet no celular por vários motivos, como fotos no Instagram até o GPS em tempo real.

Chip Internacional: saiba o que é e se vale a pena ter
Foto: (reprodução/internet)

Então, isso já explica muita coisa. No entanto, além disso, saiba que é muito mais funcional e seguro ter a própria rede de internet no celular, evitando os Wi-Fi públicos. Com o chip internacional, a pessoa pode acessar até a conta bancária sem preocupações.

Mas, aí vem a próxima dúvida: se o meu celular tem o roaming internacional, a partir da operadora, por que eu deveria comprar um chip internacional? A verdade é que esse roaming não é tão bom quanto parece e a gente explica no próximo tópico.

Quanto custa o roaming internacional

Existem operadoras de telefonia que perguntam sobre quem quer ativar o roaming internacional do celular. Esse tipo de serviço tem um custo, o que não é tão barato assim. A cobrança pode ser de R$ 30 ou mais por dia de uso para se ter uma ideia.

Para quem acha que isso é uma cortesia da operadora, saiba que em uma viagem de 7 dias com o roaming internacional ligado, o turista brasileiro poderia ter um custo de R$ 210. Logo, essa cobrança abusiva e absurda está caindo em desuso devido ao chip internacional. 

Dá para comprar o chip internacional no aeroporto

Se esqueceu de comprar o chip antes da semana da viagem, tem solução. Ou suponhamos que não sabia que a cobrança do roaming internacional era tão alta, também tem uma opção. Considere que ainda sobre uma alternativa a de fazer a compra nos aeroportos de vários países.

Chip Internacional: saiba o que é e se vale a pena ter
Foto: (reprodução/internet)

No entanto, o lado ruim disso é que a pessoa correrá o risco de pegar uma fila, mas tudo pensando na economia financeira que isso vai trazer. Outro ponto negativo é que nem sempre há tradutores para o português, o que pode dificultar a sua compra. 

Por exemplo, tem uma loja chamada SkillSIM que vende esse tipo de chip internacional. Além disso, algumas empresas fazem a venda dos chips pela internet e permitem a retirada em aeroportos, para quando não se tem tempo de receber em casa.

Os melhores sites para comprar chip internacional

Considerando todas as empresas que foram mencionadas acima, leve em conta que é possível fazer um estudo considerando custo e benefícios desses chips. Assim, comece o estudo pelo O Meu Chip, que serve para Estados Unidos, Canadá, México, Europa e mais de 210 países.

O pedido pode demorar um pouco mais do que 8 dias e ele tem planos para até 120 dias de cobertura. O Viaje Conectado é bem parecido em todas as condições, só que os planos duram até 30 dias de viagem apenas. No caso do EasySim4u, muita coisa muda.

Ele é muito aceito nos Estados Unidos e América do Norte, além de alguns pacotes para Europa. Ele dura por apenas 30 dias de viagem. E depois desse tempo ele pode ser descartado. O Travel Mobile segue a mesma linha, só que ele pode ser recarregado depois de 30 dias.

Quando o chip internacional começa a funcionar

Na hora de comprar um chip internacional, a empresa pergunta sobre os dias da viagem. Através dessa informação, ela ativa o chip para funcionar. Logo, ainda que chegue na sua casa um mês antes da viagem, a ativação só acontece na data informada na compra.

Chip Internacional: saiba o que é e se vale a pena ter
Foto: (reprodução/internet)

Portanto, se chegar com um dia de atraso no seu destino, saiba que sim, você perde um dia de uso do seu chip. Até mesmo porque mesmo ativo, ele não funciona aqui no Brasil, apenas no destino que você indicou na compra.

Inclusive, não é uma boa ideia manter o chip nacional e o internacional no mesmo celular durante a viagem, está bem? Isso porque ele pode fazer trocas automáticas e começar a usar o outro sinal, o que significa que pode ativar o roaming e encarecer tudo.

Dá para compartilhar a internet do chip internacional

Essa outra dúvida é comum de ser feita e também precisa de ser explicada com cuidado. Isso porque dá sim para compartilhar a internet do chip internacional com outras pessoas, no entanto, tudo vai depender do plano escolhido e do pacote que foi pago.

Logo, em planos de dados para os Estados Unidos e para o Canadá. No entanto, a função costuma estar bloqueada para outros países, como os europeus ou africanos. Portanto, só tem um jeito de saber: avaliar bem a compra do chip internacional ou contatar a empresa para tirar as dúvidas.

Aliás, esse fácil contato com a empresa de chip também é um item a ser avaliado na hora de escolher o seu chip que será levado para outros países. Ao passo que quanto mais fácil a comunicação, então, mais fácil de resolver problemas e tirar dúvidas como essa. 

Vou perder as conversas do WhatsApp?

Muita gente tem dúvidas e até mesmo medo sobre perder as conversas no WhatsApp devido ao uso de um novo chip no celular. Porém, saiba que isso não acontece porque o próprio aplicativo tem um sistema que permite essa nova conexão sem perder as conversas ou contatos.

Assim sendo, quando fizer a troca dos chips, ele vai perguntar se o interessado quer atualizar ou manter o número cadastrado. É só manter para evitar essa perda de dados. Logo, ele entende que você está desvinculando o seu chip atual por um tempo. Depois, é só recolocar ele quando voltar da viagem.

ANÚNCIO