Saiba como criar um catálogo de vendas para sua loja no Instagram

Muita gente já viu que algumas empresas postam imagens no Instagram e lá aparecem os preços e outras informações dos produtos. Você já viu? Isso porque eles criam catálogos para anunciar os produtos nessa rede social. E hoje quem vai aprender a fazer isso é você.

Para começo de conversa, leve em conta que o catálogo de produtos é o lugar onde armazena as informações sobre os produtos que quer vender online. Porém, para conseguir chegar nesse ponto é preciso passar por várias etapas, as quais vai conhecer abaixo.

ANÚNCIO
Saiba como criar um catálogo de vendas para sua loja no Instagram
Foto: (reprodução/internet)

Para que você não se perca nessa leitura, a gente separou o texto da seguinte forma:

  • As vendas online pelo InstagramX;
  • O catálogo no Instagram pelo Facebook;
  • Vinculando a conta do Insta pelo Facebook;
  • Como verificar se o catálogo está correto;
  • As ferramentas para vender mais no Instagram.

As vendas online pelo Instagram

Para começar, não podemos deixar de lado a questão sobre as vendas atuais que acontecem online pelo Instagram. Essa é uma rede social que usa muito das imagens, dos gráficos, dos vídeos e de tudo o que é audiovisual. E foca em captar a atenção das pessoas.

Saiba como criar um catálogo de vendas para sua loja no Instagram
Foto: (reprodução/internet)

Porém, entre 1 bilhão de usuários ativos todos os dias e mais um montão de marcas não é fácil conseguir essa atenção, né. Por isso, considerada uma das redes sociais mais usadas no mundo, ela requer cuidados na hora de fazer campanhas e investimentos. 

Para quem tem um negócio online, que pode ser no formato digital ou não, saiba que ter um perfil no Instagram for Business é uma ideia bastante inteligente. Isso permite anúncios e vendas na plataforma. Então, isso quer dizer que já passou da hora de aprender sobre isso.

O catálogo de vendas no Instagram

Fazer o catálogo no Instagram não é obrigatório para vender através dessa plataforma. Porém, pode ser uma ideia muito inteligente para conseguir tal feito. A ideia é armazenar informações sobre os produtos para você conseguir dar detalhes aos seguidores. 

De um modo simples, o catálogo não é criado no próprio Instagram e é isso que muita gente confunde. Na verdade, ele tem que ser feito em outra plataforma, como é o caso do Facebook, entre outras ideias que vamos mencionar abaixo.

Assim, é preciso pensar em uma integração entre a rede social e essa plataforma. O mais interessante é notar que em todo caso você poderá usar uma espécie de Gerenciador de Negócios, que é o que vai permitir esse tipo de negociação eletrônica. Vamos lá.

O catálogo no Instagram pelo Facebook

Pelo Facebook é o seguinte: antes de tudo, você precisa criar uma página para a sua empresa no Face. Após isso, você acessar o navegador pelo Gerenciador de Comércio. Aí vai em criar catálogo e escolhe o tipo, como de comércio eletrônico ou roupas. 

Saiba como criar um catálogo de vendas para sua loja no Instagram
Foto: (reprodução/internet)

A partir disso já é possível carregar informações do produto, sendo que ao optar pelo Facebook você tem que inserir as informações de forma manual. Aliás, você pode dar um nome para o seu catálogo também. Esse é o começo.

Na sequência, você cria a conta no Instagram for Business e assim vincula o catálogo criado no Facebook ou conectando ele a sua rede pela página comercial da empresa. Ah, na hora de criar a conta comercial, você precisará aguardar alguns dias para passar pela análise. 

Adicionando os produtos no catálogo do Face

O próximo passo é aprender a atualizar a loja do Facebook. Para isso, você pode ir em “adicionar produto”. Depois, tem que preencher as informações com nome, preço, descrição e a condição de pagamento também. É legal incluir informações de estoque e promoções. 

Vale a pena mencionar ainda a ideia de fazer o upload de arquivos. Só que para isso, recomenda-se que se olhe as diretrizes do Facebook para que o produto não sofra com a punição posterior devido a quebra de regras. Por isso, cuidado.

Em seguida, você pode salvar o novo catálogo, agora atualizado. E assim todas as informações estarão disponíveis aos clientes após o processamento. Há ainda o recebimento de notificações a partir do upload dos itens, das fotos e imagens.

Vinculando a conta do Insta pelo Facebook

Fazer essa vinculação não é obrigatório, porém, recomendada. Isso pelo fato de que permite maior proveito das ferramentas disponíveis no Instagram. Sendo assim, se você concorda com isso, saiba que dá para selecionar o perfil no Instagram e ir em “editar perfil”.

Saiba como criar um catálogo de vendas para sua loja no Instagram
Foto: (reprodução/internet)

Em seguida, opte por informações comerciais públicas e em “página”. Aí você escolhe qual quer conectar e vá em “concluir”. Prontinho. Com esses passos simples você terá as contas vinculadas e o catálogo do Facebook no Instagram, na conta comercial. 

Agora, como já mencionamos acima, você também pode fazer o seu catálogo vinculando com a conta de outras plataformas digitais de vendas, chamadas de parceiras. É isso que vamos falar nos próximos tópicos. Portanto, leia com atenção. 

O catálogo no Instagram pelas plataformas parceiras

Nesse caso, o que vai mudar é que a sua plataforma precisa ter o catálogo pronto, como acontece no Facebook. A partir disso, dá para usar as mesmas informações para seguir os passos até fazer a vinculação direta para o Insta.

É curioso notar que dá para importar os produtos, os preços e as descrições. Assim como também dá para escolher o tipo de catálogo. Tudo isso é feito em uma conexão possível em várias plataformas, como Shopity, BigCommerce, Feedonomics, entre outras.

É comum que elas próprias indiquem os principais passos para conseguir fazer isso. Assim, a conta estará conectada à plataforma parceira e você já poderá importar os itens do catálogo. Então, basta voltar ao Gerenciador de Comércio e escolher os catálogos.

Como verificar se o catálogo está correto

A ideia é a de fazer uma manutenção para garantir que os produtos sejam carregados corretamente nos canais de venda das redes sociais. Afinal, o que temos é uma configuração toda feita na nuvem e isso requer cuidado. Vamos usar o exemplo da Nuvemshop.

Saiba como criar um catálogo de vendas para sua loja no Instagram
Foto: (reprodução/internet)

Uma boa ideia é acessar o relatório de erros do feed lá no Gerenciador de Negócios do Facebook. Depois, você pode ir em gerenciador de comércio, em ativos, em catálogo e aí dá para ver os produtos do Nuvemshop ou outras plataformas. 

Você terá a opçaõ de fontes de dados e relatórios de erros no feed. Nesse relatório será possível encontrar mensagens de alerta. Aquelas em amarelo indicam os erros que não impactam a ativação do Instagram Shopping. Mas, os vermelhos são problemas.

As melhores plataformas parceiras do Instagram

É claro que esse tópico é bastante pessoal de cada gestor. No entanto, na internet a gente encontra uma série de listas que citam aquelas que podem ser as melhores opções para quem quer usar essas parceiras ao invés do Facebook. Quer conhecer?

A Likestore é uma delas, sendo nacional e que permite a criação de lojas virtuais tanto no Instagram como no Facebook. As compras acontecem através do Moip. O painel simples é gratuito e tem outros que passam dos R$ 170 mensais. 

O Soldsie tem o diferencial de permitir que o usuário escolha o que comprar a partir de hashtag. Assim, ele escreve “sold” e coloca o tamanho desejado na foto. O curioso é que não é preciso baixar nenhum aplicativo para usar. Incrível, não é?

As ferramentas para vender mais no Instagram

Você acabou de aprender tudo sobre a criação de catálogos para o Instagram, correto? Mas saiba que além de aprender a usar o gerenciador de conteúdo, você também pode usar programas para conseguir mais vendas? É verdade e nós vamos falar de alguns deles, note!

Saiba como criar um catálogo de vendas para sua loja no Instagram
Foto: (reprodução/internet)

O Instagram Shoppable Posts é ótimo para marcar produtos diretamente do Instagram. Para isso, é preciso ter o catálogo do Facebook ou das plataformas parceiras. Tem o Instagram Stories Shoppable Stickers, que são adesivos para compra, como tags de compras regulares.

Tem ainda o Curalate Like2Buy, que permite compras a partir das imagens do Instagram. Isso porque ele gera um link na biografia e quando os seguidores clicam nele, eles são levados para uma galeria do Like2Buy para comprar produtos.

As hashtags, as tags e as figurinhas

Observe já no fim do texto que usar todos os recursos disponíveis é uma ótima forma de alavancar os negócios. Por isso, conheça esses recursos de forma completa. Só para se ter uma ideia, vamos comentar sobre as tags dos produtos. Veja só.

Lá no gerenciador, você poderá ver a opção de catálogos e o recurso de compras. Então, se concordar, você vai poder marcar até 5 produtos em uma única imagem ou até 20 produtos por publicação de várias imagens. No Story, dá para editar a cor e o texto.

Resumo da ópera

Para retomar tudo o que foi dito e finalizar o assunto, saiba que para que tudo funcione você tem que ter uma página de e-commerce no Facebook ou em plataformas parceiras. A partir disso, você vincula o catálogo criado nelas. 

É preciso ter uma conta comercial do Instagram e só depois é que você vai conseguir vender produtos a partir da sua conta. Ah, tem um detalhe final importante: o perfil empresarial do Instagram não permite a venda de serviços e somente produtos, ok?

ANÚNCIO