5 brincadeiras legais para fazer em casa

O mundo além dos jogos eletrônicos existe. Quando se tem várias crianças no mesmo espaço você pode ver que viver em comunidade não precisa ser algo cruel, como acontece em grandes centros urbanos. Ao contrário, dá para fazer isso harmonicamente e alegremente.

Para provar isso, a gente criou aqui 5 ideias de brincadeiras que já existem e podem ser alternativas bacanas para divertir e fazer com que crianças interaja. Algumas das ideias podem ser praticadas por adultos também. Você vai ver que é possível usar conceitos pedagógicos em quase tudo na vida. 

ANÚNCIO
5 brincadeiras legais para fazer em casa
Foto: (reprodução/internet)

1 – O conto de história

A gente vai começar com essa ideia porque ela é acessível a todos. Enquanto a gente pode uma forma de estimular a criatividade e até mesmo a fala, a gente também pode pensar na flexibilidade que esse tipo de brincadeira possui, o que é importante. Veja só. 

5 brincadeiras legais para fazer em casa
Foto: (reprodução/internet)

O grupo pode ser de 5, 10 ou muitas pessoas. Ou pode ser apenas uma dupla. A ideia vai além de usar a criatividade para contar a história. Mas, pode se tornar um processo todo de encenação. E isso é o que vai fazer tudo ficar mais divertido.

A parte mais fácil é pegar um livro e começar a contação de história. Dá para cada um ler um trecho. Ou dá para cada um ser um personagem da história. Ou dá para criar uma sessão como de cinema, mas com livros. Porém, dá para ir além e criar a encenação. 

A encenação

Vamos supor que você tenha uma casa com vários primos juntos. O primeiro passo é ler a história. Depois, a gente pode começar o trabalho mais artístico. Então, vamos precisar dos atores principais, de quem vai ajudar na direção da peça e tudo mais.

5 brincadeiras legais para fazer em casa
Foto: (reprodução/internet)

Cada um passa a ter a sua função nessa hora. E se tudo der certo, você ainda pode gravar isso e colocar no Youtube, que vai fazer sucesso. Mas mesmo que não dê tão certo assim, o simples fato de pensarem junto já colabora com o trabalho em equipe.

Mais do que ler um livro, vocês mesmos podem criar a própria história. Aí entra o trabalho do roteirista, né. Então, quanto mais gente estiver na sua casa, maior dá para ser a história ou mais profissional ela será devido a grande produção. Entendeu onde está o lúdico?

2 – A pista de boliche

Se a gente estiver sem ideia, o boliche também sempre acaba sendo uma boa opção e nós vamos contar os motivos disso. O primeiro é que pode ser uma brincadeira muito fácil se você tiver pinos e bolas em casa. O resultado é rápido: ganha quem derrubar mais.

5 brincadeiras legais para fazer em casa
Foto: (reprodução/internet)

Aí dá para montar equipes, dividir pelo número de jogadas e até mesmo trabalhar na somatória dos pontos. Os strikes ou meios strikes valem mais ponto, você sabe disso, não é? Bom, esse é só o começo porque dá para ir além disso.

O ir além exige muito mais trabalho e criatividade, mas torna a brincadeira bem completa. Você e a sua turma toda podem criar o próprio jogo do boliche, pensando até mesmo na produção dos pinos e das bolas que serão jogadas neles. Entenda!

Criando o jogo

O trabalho começa bem cedo, quando é preciso fazer a separação dos recicláveis. Aí vem a parte da criatividade, que é quando tem que pensar no que será usado para criar os pinos. Talvez, garrafas pets deem certo, ok? E o peso que vai nela pode ser a água.

5 brincadeiras legais para fazer em casa
Foto: (reprodução/internet)

A sua pista de boliche também pode ter delimitações. Os pinos podem ser coloridos e valerem mais pontos. Ou seja, dá para quebrar e criar novas regras. Quanto à bola, você sabe: dá para fazer até de meia, mas é preciso pensar no peso dela para derrubar os pinos.

O trabalho todo, que vai da escolha dos materiais até o jogo final vai durar praticamente um dia todo e acaba sendo bem legal para quem quer entreter os pequenos de uma forma inteligente, criativa e que vá trabalhar vários aspectos da pedagogia na prática. 

3 – A cidade em miniatura

Você quer ver outra brincadeira que vai dos menores até os maiorzinhos? A ideia de criar uma cidade toda em miniatura. Isso começa com os carrinhos em miniatura, certo? E você pode usar os “monta monta” para fazer as pistas ou as garagens. E não é só isso.

5 brincadeiras legais para fazer em casa
Foto: (reprodução/internet)

O conceito de usar recicláveis também vale a pena já que você pode criar outros elementos para a sua cidade toda. Dá para pensar em avenidas movimentadas, em construções, em pistas, em caminhos, em transportes e tudo mais. 

O bacana é ensinar a limitação de espaço e mostrar a ideia do aumentativo ou diminutivo. O trabalho em equipe é importante também. Você ainda pode criar uma produção que envolva materiais como colagens, montagens e disposição dos elementos. 

A vida em harmonia

Um dos objetivos dessa brincadeira pode ser a de mostrar como dá para viver em harmonia. Por exemplo, ao se criar uma garagem para o carro, você pode mostrar o conceito de estacionamento, que é uma realidade em toda parte do mundo.

5 brincadeiras legais para fazer em casa
Foto: (reprodução/internet)

Ou quando for pensar em pistas, como ruas, dá para mostrar o que acontece quando vários carros andam por ali. Tem ainda a questão da faixa de pedestres e muito mais. Observe que é um trabalho muito mais detalhista e minucioso, o que vai exigir cuidados. 

Por exemplo, o cuidado de saber orientar as crianças a partir da idade delas. Os que são mais pequenos podem ser quem movimenta os personagens e os maiores são aqueles que vão pensar no conceito de urbanização do lugar. 

4 – O telefone sem fio

Pronto, chegamos em uma brincadeira que é milenar, mas continua ensinando até hoje. E isso sem exagero algum. Primeiro, vamos falar do que é mais tradicional. O telefone sem fio permite que as pessoas se conectem através da fala. Mas você pode adaptar.

5 brincadeiras legais para fazer em casa
Foto: (reprodução/internet)

No começo, explique a brincadeira no formato original. Cada pessoa tem que falar uma frase para quem está do lado. No final, isso quer dizer que a última pessoa tem que falar, em voz alta, a mesma frase que foi dita lá no começo. Porém, isso nem sempre acontece.

De forma lúdica, dá para ver que quanto mais a mensagem é passada, mais ela é distorcida e pode chegar em um momento que não faz mais sentido algum. Se as crianças enjoarem, aí entra a sua criatividade de adaptar isso e vamos dar ideias.

A distância

Você pode pensar na distância da brincadeira. Então, cada uma fica em um cômodo da casa. Assim, você aumenta a distância entre elas a ponto de que elas deverão trabalhar vários outros aspectos da vida em grupo para conseguirem finalizar a brincadeira. 

5 brincadeiras legais para fazer em casa
Foto: (reprodução/internet)

Ou seja, uma pessoa fala com outra na sala. Aí a que ouviu vai até o quarto e passa a mensagem para outra, que tem que ir até o banheiro e comunicar a terceira e assim por diante. Se aumenta a distância, o que muda? Veja só na prática.

Na prática parece que nada muda. Porém, isso também exige que elas saibam esperar o momento de ouvir e o de falar, por exemplo. Enquanto a frase não chegou até o cômodo dela, ela tem que aguardar. Já quando chega, ela tem que tomar a atitude de passar adiante.

5 – O jogo da adivinhação

E vamos finalizar de um jeito que possivelmente você já conhece. O jogo da adivinhação é tão comum e divertido que ganhou o nome que vem de marcas, como “imagem e ação”. No entanto, você pode fazer essa brincadeira se tornar mais autêntica.

5 brincadeiras legais para fazer em casa
Foto: (reprodução/internet)

Isso vem desde a criação do jogo. As crianças podem ajudar fazer as cartas, por exemplo ou mesmo o mapa. A competitividade pode ser dividida entre turmas. Mas, o grande objetivo é fazer com que as crianças se movimentem, criem e atuem nesse cenário todo.

Dá para unir pequenas e maiores crianças na mesma brincadeira. Sem contar que elas adoram fazer mímicas e aí está o grande diferencial da brincadeira: elas precisam ser criativas a ponto de passar uma mensagem sem falar. É um desafio e tanto.

O jogo para falar mais

Para quem está lidando com crianças menores, há uma nova ideia: que tal fazer o inverso e usar a brincadeira para estimular a fala? Isso porque quem está criando as cenas não pode falar, mas quem tem que acertar deve falar. Então, pense nisso.

5 brincadeiras legais para fazer em casa
Foto: (reprodução/internet)

Você pode dar um jeito de adaptar a brincadeira de um ponto que seja bom para todos. O trabalho em equipe, o raciocínio lógico e a criatividade atuam demais nesse jogo. Sem contar que ele pode durar um dia inteiro dependendo da disposição dos pequenos. 

Outras brincadeiras

Agora que você tem pelo menos 5 ideias de brincadeiras para fazer em casa independente de quantas pessoas estão ali, leve em conta que também dá para pensar em formas de interação a partir do conhecimento de cada turma.

Muitas vezes, uma roda de amigos já pode ser uma boa ideia para trocar informações, comentários ou falar de algum tema em comum. Isso se torna brincadeira levada a sério quando se trabalha pontos como: ouvir, falar, expressar, comentar e criar. 

ANÚNCIO